19/07/10

E é na chapa do sol que o calor derrete sobre os artefactos que muitas das vezes se mostram danificados. Parece que foi preciso a indiferença mostrar mais do que aquilo que mostra quando alguém se sente fora de um lugar que não é o dela. Até aqui as coisas eram mais deixadas à porta de casa do que vinda km após km. Já estamos postos no mesmo sitio. Não fisicamente, mas no psicológico e este regresso transformou muito mais do que uma espera. Lembras-te quando falávamos da distância ? Apesar dela pesar bastante não é só aquilo que importa. Não agora. Precisava desta aproximação que me tirou de todos aqueles dias em que o dia parecia não existir senão cá fora. Continua a permanecer. És o meu pilar.

7 comentários:

  1. "Já estamos postos no mesmo sitio. Não fisicamente, mas no psicológico e este regresso transformou muito mais do que uma espera"
    Lindo *.*

    ResponderEliminar
  2. por vezes a distância fortalece mais, sara*

    ResponderEliminar
  3. só as verdadeiras amizades ou o verdadeiro amor é que resiste(m) á distância.

    ResponderEliminar
  4. quem diria. a minha alma ficou preplexa agr:o

    ResponderEliminar
  5. eu gst é de ler o q escreves e ouvir esta música. juro

    ResponderEliminar
  6. A vida é cheia de momentos, partilha-os descrevendo-os numa frase. Aceita o desafio que tenho no meu blog!
    Beijinhos ;D

    ResponderEliminar