13/05/10

Parte I:
Desequilíbrio descomunal por entre os dedos.
Fomos decapitados para seguirmos margem diferente e já não sinto nada. É um enche o peito e deita cá para fora tudo enquanto estás sozinha, enquanto podes estar num silêncio que te afoga depois do adeus.

12 comentários:

  1. Gostei muito deste post ,escreves muito bem .
    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. É realmente isto.
    Gostei imenso *.*

    ResponderEliminar
  3. Gostei imenso Sara :)

    ResponderEliminar
  4. entraste agr na idade adulta e já tudo te pesa. força linda*

    ResponderEliminar
  5. esse silêncio levar-te-á longe, sofre agora, sorris amanhã. chora, vá, liberta tudo. * Qualquer coisa... Estou aqui.

    ResponderEliminar
  6. ainda bem que gostaste (:

    eu adoro os teus posts (:

    ResponderEliminar
  7. Eu adoro as tuas palavras! :)

    ResponderEliminar
  8. "enche o peito e deita cá para fora tudo enquanto estás sozinha, enquanto podes estar num silêncio que te afoga depois do adeus"

    somos duas a optar pelo mm*

    ResponderEliminar