22/04/10

O orgulho fere a vista. Nada combina com nada e estou sem paciência para isto. Na forma mais irónica possível, foi um dia bastante construtivo e muito sentimentalista. Até amanha.

10 comentários:

  1. Linda, deixa passar um tempo.
    acredita que amanha já está tudo bem *.*
    Tu és forte, e se recebo as tuas ordens, recebes as minhas :P

    ResponderEliminar
  2. o orgulho fere mesmo, e ainda por cima é algo que não se vê; sente-se.
    tudo passa (:

    ResponderEliminar
  3. Oh, muito obrigada Sara :)

    ResponderEliminar
  4. E como eu digo tu és a minha mãe, e dás-me aquilo que quero ouvir, ou não, tento seguir os teus conselhos a risca : )
    Sabem mesmo bem, quero mais ('.')

    ResponderEliminar
  5. É como eu, estou cá para te ouvir e para te ajudar :)

    ResponderEliminar
  6. Eu estou cá para te ouvir e também pra ajudar em tudo o que puder :)

    O mundo pode estar neste momento apertado para nós, mas quando sentir a necessidade de nos chutar pra fora dele, nós vamos revolucionar :)

    ResponderEliminar
  7. Há dias e dias :x

    ResponderEliminar
  8. da forma menos irónica possivel, muito obrigado :')

    ResponderEliminar
  9. tenho-me sentido na mesma nestes ultimos dias.

    ResponderEliminar