18/04/10

Ando sujeita a incrédulos instantâneos sentimentos. Expõem-se no seu ponto mais discreto e por muito escondidos que se mantenham, às tantas, torna-se complicado demonstrar transparência perante certos actos. Ou é porque estás por perto e oiço a tua voz, ou é porque estamos naquela fase da negação e não, nem te olho sequer que é para o coração não me saltar pela boca. Nos últimos dias, tem sido incompatível tornar isto de certa maneira bom, muitas das vezes foi necessário respirar fundo e limpar bem a cara depois de uma hora ou duas, nas duras lamentações. A verdade, é que voltamos sempre ao sitio onde começámos, mantemos-nos intactos a predisposições, e por muita coisa feita, dita e surrada inconscientemente, os meus dias já não são iguais quando não estás, e quando estás garanto-me a mim mesma um descontrolo emocional por muita parvoíce junta. De meio minuto em meio minuto, preciso de um sinal de vida teu, continua a fazê-lo que o prometido é devido.
Trata bem de mim e eu bem de ti vou tratar.

23 comentários:

  1. os teus textos são uma maravilha *

    ResponderEliminar
  2. omfg , que lindo +.+

    ResponderEliminar
  3. Como adorei o texto Sara :)

    ResponderEliminar
  4. que LINDO *.*
    olha, não consegues ler o mais recente post meu pois nao? :s

    ResponderEliminar
  5. como sempre, bom texto :)

    ResponderEliminar
  6. « (...) os meus dias já não são iguais quando não estás, e quando estás garanto-me a mim mesma um descontrolo emocional por muita parvoíce junta. De meio minuto em meio minuto, preciso de um sinal de vida teu, continua a fazê-lo que o prometido é devido.
    Trata bem de mim e eu bem de ti vou tratar. »
    Têm muito de mim, estas frases! Senti-as como se as tivesse sido eu a escrever (:

    ResponderEliminar
  7. e mais uma vez li, e vou continuar a ler :)

    ResponderEliminar
  8. Vou tentar cumprir essa ordem, pois até te peço pra me ajudares a tirar isto tudo ca de dentro :)

    Se ele não tratar bem de ti, cuidarás tu de ti mesma, tu és capaz de tratar bem de ti e dos outros, sabendo que tal as vezes não te tratam como devido.

    ResponderEliminar
  9. Mesmo! Mas está lindo o texto (:

    ResponderEliminar
  10. ohhhh sarinha! o que eu ando a perder, bolas! não tive oportunidade de vir cá mais cedo. mas já sabes o que tenho para te dizer, continuas com textos lindos, textos que fazem acreditar. és liiiiinda

    ResponderEliminar
  11. nao estava a conseguir mudar :o
    que estranho!
    Mas já está..

    ResponderEliminar
  12. ele vai tratar, tenho a certeza (:

    ResponderEliminar
  13. adorei o texto e irei seguir :)

    ResponderEliminar
  14. "se eu n gostar de mim, quem gostará?" agora vê isto noutro sentido "se eu n cuidar de mim, quem cuidará?"
    se ele tratar de ti uma vez, irá tratar duas, três e as q forem necessárias. mereces o melhor sorriso nessa cara:)
    espero continuar a vê-lo sempre q passar por ti na escola*

    ResponderEliminar
  15. e sem dúvida q o meu lugar n é msm sozinha, mas sim ao lado dele. qnd temos alguém do nosso lado, principalmente alguém de quem gostamos verdadeiramente e q nos retribui esse msm sentimento, as coisas ganham outro sentido!
    de nada linda:)

    ResponderEliminar
  16. pois :D
    eu sei querida*

    ResponderEliminar